segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Ficção ou realidade?!

As vezes pensamos que nunca teremos êxito porque somos marcados desde início, quer pela religião, cor futebolística ou fundamentalmente pelos nossos ideais ou escolha politica.
Um bom exemplo contrário a essas ideias, é Ricardo Araújo Pereira dos famosos “Gato Fedorento”.
Só pela razão de ser comunista e combater ideais opostos de uma forma tão convicta, teria à partida as ambições derrotadas.
Mas não, muito pelo contrário, teve e tem muito êxito, acho que todos temos direito a sonhar e a sermos sempre nós próprios sem nunca cair no erro de tentarmos ser, o que querem que sejamos…




É pena que num vídeo a brincar haja tanta verdade e que uma ficção se aproxime tanto da realidade…

10 comentários:

escarlate.due disse...

Seja em que situação for, sou sempre pela opção de sermos nós próprios, lutando pelo que desejamos ser ou alcançar, dando real valor aos nosso próprios sonhos e crenças

Marta Vasil disse...

Sem tirar nem pôr!...A verdade na ficção e a ficção com a verdade.

Eu só acrescentaria ao "preâmbulo" da postagem, que somos também marcados logo à nascença, melhor, ainda em gestação, pelo nome da família em que vamos nascer. E sonhar para que isso não aconteça é papel de cada um.

Um abraço

MV

Attitude Problem disse...

"todos temos direito a sonhar e a sermos sempre nós próprios sem nunca cair no erro de tentarmos ser, o que querem que sejamos…"
Não poderia concordar mais contigo.

Lamento apenas o facto do Ricardo A.P. obter um êxito excessivo comparado aos dos 'supostos' colegas... fazem-me lembrar o Dartacão!
'Todos por um e todos por mim...'

Beijos.




[ Opinião fundamentada pelo vejo na TV ]

Lize disse...

Eu se fosse gajo dizia: "Quando for grande, quero ser como o Ricardo Araújo Pereira". Bonito, divertido, com sucesso e como disseste, segue o que acha e o resto que se lixe. ;)


Beijocas

Ricardo disse...

Escarlate.due:

Essa é a minha forma de estar na vida, embora reconheça que é o caminho mais dificil...

Beijo

Ricardo disse...

Marta Vasil:

Cabe-nos a nós lutarmos para mudarmos isso!

Beijo

Ricardo disse...

Attitude Problem:

Acho que devemos sempre seguir os nossos ideias, desde que os mesmos não prejudiquem ninguém!

Quanto ao Ricardo, é natural ele ter mais exito.
Se estudares o assunto, vais constactar, que é o que tem mais qualidades na àrea em que trabalham, é o que tem mais tarefas, o que escreve mais textos e também o que consegue interpretar mais papeis, ou seja, é um profissional mais completo.

Embora, eu pessoalmente acho que eles funcionam muito bem como equipe.

Beijo

Ricardo disse...

Lize:

Bem, ademiro muito o Ricardo pelo seu brilho profissional, mas aparentemente... Mal por mal, prefiro a Carla Matadinho! ahahah

Beijo

Equilibrista disse...

Como diria um amigo meu:

"Mesmo não conseguindo mudar o mundo, já conseguimos muito se fizermos com que o mundo não nos mude a nós!"

**

Ricardo disse...

Equilibrista:

É exactamente essa a ideia! :)

Beijo